Servos de Nsa. Sra. Desatadora dos Nós: Encerramento do Novembro Azul

Durante todo o mês de novembro, nas celebrações em honra a Nossa Senhora Desatadora dos Nós, a comunidade paroquial amarrou fitas azuis em uma árvore seca colocada dentro da Igreja Matriz São José e Santa Rita. A intenção foi pedir o livramento de todas as doenças, de modo especial o câncer de prostata.

Na noite desta terça-feira, 27 de novembro, aconteceu o encerramento da campanha, com a queima de todas as fitas simbolizando a queima de todo o câncer.

Colaboração de conteúdo: Maria Nelicia.

Lançada nova edição da tradução da Bíblia Sagrada da CNBB, em Brasília

A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) lançou nesta quarta-feira, 21 de novembro, a nova tradução oficial da Bíblia Sagrada. O ato aconteceu durante a reunião do Conselho Permanente da entidade e contou com a participação de bispos, padres e convidados. “Este é um momento de evangelização da nossa Conferência Episcopal. Nós tivemos um longo caminho, foram muitos anos de trabalho e de dedicação de muitas pessoas”, afirmou o secretário-geral da CNBB, dom Leonardo Steiner, na mesa de abertura.

Como recomenda o Concílio Vaticano II, a tradução oficial da Bíblia se baseia nos textos originais hebraicos, aramaicos e gregos, comparados com a Nova Vulgata – a tradução oficial católica. O projeto teve início em 2007, quando a coordenação de tradução e revisão, composta pelos padres Luís Henrique Eloy e Silva, padres Ney Brasil Pereira (in memorian) e Johan Konings, fez a revisão integral conjunta, enquanto os professores padre Cássio Murilo Dias, dom Paulo Jackson Nóbrega de Souza e Maria de Lourdes Lima colaboraram em algumas partes.

Durante o lançamento, o coordenador de tradução e revisão da Bíblia, padre Luís Henrique afirmou que a revisão se compôs de características diversas das traduções anteriores. De acordo com ele, no início visava-se um texto mais apurado em vista de outros objetivos como, por exemplo, o texto como referência para os documentos oficiais para os bispos do Brasil. Ele fez questão de enfatizar que, essa tradução, visou também uma maior facilitação à memória bíblica do país.

Assim como a Nova Vulgata, a nova Bíblia da CNBB leva em conta novas descobertas documentais e a crescente valorização das antigas traduções gregas, siríacas, egípcias e latinas, às vezes mais antigas ou de maior importância para a Igreja que os textos comumente considerados como os mais originais.

Padre Johan Konings, vice-coordenador de tradução e revisão da Bíblia destacou durante o lançamento que nem a Nova Vulgata, nem a nova tradução da Bíblia pretendem restabelecer um “texto original” único, mas procuram representar os textos que os primeiros cristãos conheceram, citaram e comentaram.

As introduções e notas, bem como os títulos e subtítulos das seções, embora aprovados pela Comissão para a Doutrina da Fé, não possuem caráter oficial, mas, baseadas em fontes científicas, fazem desta edição uma verdadeira “Bíblia de estudo”, servindo para cursos de Bíblia e de Teologia , em sintonia com as orientações do Magistério católico. Segundo o presidente da Comissão para a Doutrina da Fé da CNBB, dom Pedro Carlos Cipollini, a tradução é importante para a Igreja no Brasil porque serve de referencial. “A CNBB tem uma tradução aprovada e isso faz a diferença no sentido de que dá uma segurança maior no uso desse texto nas várias atividades da nossa Igreja”, disse o bispo.

Ao final do lançamento, o presidente da CNBB, dom Sergio da Rocha agradeceu aos exegetas e a todos os que colaboraram no aprimoramento das várias edições da Bíblia da CNBB, e de modo especial, nesta nova tradução. “Confiamos esta Bíblia Sagrada – Tradução Oficial da CNBB a Maria, Mãe da Igreja, discípula fiel do Senhor, que acolheu, meditou e cumpriu a Palavra”, disse o bispo.

A Bíblia Sagrada está disponível para venda no site da Editora da CNBB.

Por CNBB

Paróquia participa do Encontro Arquidiocesano do Laicato

No último domingo, 11 de novembro, aconteceu no CEAR, em Governador Celso Ramos o Encontro Arquidiocesano do Laicato. A Paróquia São José e Santa Rita de Cássia esteve presente.

O evento teve como objetivo somar, unir, todos os incorporados pelo Batismo que temos a mesma missão. Somos todos pastores e reis poque governamos os princípios Cristãos, atuamos a partir do que a palavra de Deus nos ensina. Sem o Laicato não há igreja.

O Laicato é aquele que planta a semente do evangelho a partir do testemunho de nossos pais, avós, tios. Nossa missão é testemunhar Jesus Cristo.

O evento encerrou com a Missa com a participação de diversos padres arquidiocesanos.

Partilha sobre a vocação: Somos ramos, sal e fermento no mundo. O leigo precisa ter muita responsabilidade.O Cristão não abre mão da verdade, enfrenta com Cristo e sai vitorioso. Jesus é a Videira e nós somos os Ramos.

No evento os participantes da paróquia encontraram o Padre Olívio Guester, que partilhou sobre sua convivência com o Padre Hélio da Cunha, que foi seu coroinha.

No momento estiveram presentes também o casal que fez a doação do terreno do Cear, o Sr. Angelino Rosa e esposa.

Veja aqui todas as fotos do evento.

Colaboração de conteúdo: Maria Nelicia.

Paróquia celebra Sacramentos da Iniciação a Vida Cristã para adultos

Neste domingo, 04 de novembro, aconteceu em nossa paróquia a celebração dos Sacramentos da Iniciação a Vida Cristã da Catequese de Adulto. Amauri Constâncio Júnior recebeu os três Sacramentos (Batismo, Comunhão e Crisma), Kellen Monteiro Corrêa e Wilma Aparecida de Camargo receberam Comunhão e Crisma. Helena Terezinha Borges Pinheiro recebeu apenas a Comunhão e Rogério Bruno Santana e Raíssa Fernandes Gomes Batista apenas o Sacramento do Crisma.

Foi uma noite abençoada, com muita unção.

Que Deus esteja cada dia mais presente na vida de cada um que recebeu os Sacramentos. Que eles possam ser Sal e Luz para a comunidade e para o mundo.

Colaboração de conteúdo: Ana Paula Custódio e Maria Ghisi.

Grupo de Oração Jovem Yeshua inicia na paróquia

No dia 25 de outubro de 2018 teve início em nossa paróquia o Grupo de Oração Jovem Yeshua. No primeiro encontro 20 jovens estiveram presentes. Foi uma noite de muita unção e grandes bênçãos.

O Grupo de Oração Jovem Yeshua tem por finalidade:

  • Evangelizar e promover a fé dos jovens católicos da comunidade do Jardim Atlântico, arrebanhando-os para o caminho de Deus;
  • Integrar e dinamizar as ações da juventude católica pertencente à comunidade;
  • Promover os vínculos de solidariedade e cooperação entre os membros da comunidade do Jardim Atlântico e das pastorais atuantes na Igreja Matriz , propiciando uma abertura cada dia maior para o jovem na Igreja e na sociedade;
  • Representar a juventude pertencente à comunidade nas assembleias, reuniões pastorais e quaisquer assuntos pertinentes a Pastoral da Juventude na Paróquia;
  • Reunir-se semanalmente para orar, crescer na fé, evangelizar os jovens, discutir assuntos sociais e ações, se divertir de forma santa, formando assim, uma grande família de jovens católicos que buscam a cada semana, tornar-se seres humanos melhores.

O Grupo de Oração Jovem Yeshua tem por Carisma:

Evangelizar os jovens, através de uma fé vibrante, verdadeira, feita por jovens pecadores para jovens pecadores, mas que juntos buscam ser melhores a cada dia, caminhar unidos para a construção do céu já aqui na Terra e assim, conquistar o Reino de Deus. O Grupo de Oração Yeshua Jovem busca evangelizar os jovens, agindo conforme a vontade de Deus, demonstra através de eventos, encontros, retiros, teatros, reuniões de grupo, ações no dia-a-dia, que a vida com Jesus é a melhor que existe! Simpatizamos com a RCC, comunidade de vida e todas as pastorais católicas, afinal todos nós somos Cristãos, Católicos e filhos de um mesmo Deus, com um mesmo objetivo; a Vida Eterna.

Os encontros acontecem toda quinta-feira, 19h30, em uma sala da Igreja Matriz São José e Santa Rita de Cássia. Participe!

Colaboração de conteúdo: Sandro Marcos Castilhos.